Auditar fornecedores evita dores de cabeça futuras

Avaliação:

(0 Avaliações)

Por Redação SM - 29/01/2015

O setor supermercadista é um dos que mais têm demandado o serviço de auditoria de responsabilidade social sobre seus fornecedores, para evitar ser envolvido em problemas com trabalho escravo e exploração infantil na sua cadeia de abastecimento, segundo a TÜV Rheinland Brasil, que presta esse serviço. A empresa afirma que, após anos de procura praticamente nula, em 2014, 22 fornecedores de supermercados foram inspecionados, muitas vezes por exigência dos varejistas. “Atualmente existe uma grande mídia sobre empresas que, por não se atentarem a essa questão, acabam sendo envolvidas em escândalos”, explica Mayara Zunckeller Paulino, Coordenadora Técnica na TÜV. A chamada “quarteirização de mão de obra”, em que fornecedores das redes subcontratam pessoas em condições degradantes para reduzirem seus custos, já levou varejistas a pagarem multas milionárias recentemente por não cuidarem de sua cadeia de abastecimento. Isso quando não é a própria companhia que tem problemas, gerando punições ainda maiores. O custo do serviço de auditoria varia conforme o número de funcionários e unidades da empresa contratante, variando entre R$ 1.500 e R$ 7 mil segundo a TÜV.
 
Mais informações: http://www.tuv.com/br/ (11) 3514 5700 
 
Veja mais sobre: auditoria, Varejo,

Comentários

Comentar com:
Publicidade

GPS - Guia prático de sortimento

Aqui você pode navegar por todas as seções e categorias de produtos. Utilize um dos filtros abaixo para visualizar as informações:

BUSCAR

ENQUETE


Resultado parcial

teste erik vm2

  • 1 0% 0 votos
  • 2 0% 0 votos
  • 3 0% 0 votos
Publicidade